top of page

Feedback construtivo: a chave para o crescimento e melhoria contínua

Uma das funções mais difíceis de todo gestor é aprender como dar um feedback construtivo. Afinal, não é fácil apontar maus condutas ou pontos de melhoria do colaborador, sem gerar desmotivação ou perda de engajamento.


Então, se você quer saber como dar feedbacks de forma eficaz, continue lendo para descobrir nossas dicas práticas e comece a aplicá-las agora mesmo para impulsionar o desenvolvimento da sua equipe!


O que é um feedback construtivo?

O feedback construtivo é um recurso utilizado pela liderança para avaliar os comportamentos e ações da equipe, pontuando as boas e más condutas profissionais.


Ele gera uma perspectiva imparcial do desempenho tanto de forma individual quanto coletiva. Assim, o feedback construtivo facilita a tomada de decisões e orienta as estratégias de desenvolvimento e capacitação corporativa.


5 estratégias infalíveis de como dar feedbacks construtivos

Confira agora as abordagens mais impactantes para fornecer feedbacks construtivos e melhorar a comunicação com seus colaboradores:


1 - Aborde de forma incisiva

Você precisa ser claro, direto e objetivo em suas observações. Portanto, é importante descrever de maneira precisa o comportamento que deve ser mudado. Ao fazer isso, use exemplos concretos e dados específicos para fundamentar suas avaliações.


Além disso, evite se alongar em detalhes irrelevantes, pois eles podem desviar a atenção do ponto principal. Assim como, mantenha uma linguagem acessível e de fácil entendimento, garantindo que o colaborador compreenda suas considerações.


2 - Garanta um cenário propício

O feedback construtivo deve ser dado em um ambiente tranquilo, agradável e livre de distrações. Uma vez que locais barulhentos e com interrupções podem gerar estresse e prejudicar a comunicação.


Além disso, o ideal é que a conversa ocorra em um local privado para promover uma interação individual entre as partes, permitindo que haja uma comunicação franca e aberta.


3 - Identifique o momento ideal

Vamos refletir: você acha que receberia melhor um feedback logo após uma ocasião acalorada ou em um momento tranquilo?

É verdade que o ideal é fornecer o feedback o mais rápido possível para que a compreensão e correção do problema aconteça de forma satisfatória, mas é ainda mais importante que a pessoa esteja emocionalmente preparada para absorvê-lo.


4 - Seja verdadeiramente construtivo

Além do feedback, é preciso também sugerir melhorias para o comportamento. Isso significa não apenas apontar os erros, mas também reconhecer e valorizar as qualidades e realizações do colaborador.


Com isso, é importante manter uma atitude positiva durante todo o processo, a fim de garantir que a mensagem seja bem recebida e que o empregado se sinta motivado a progredir.


Ser honesto ao fornecer o feedback é essencial, mas deve-se também expressar as sugestões com gentileza e respeito.


5 - Dê voz ao colaborador

Não deixe de conceder espaço para que o colaborador expresse suas opiniões. Sendo assim, convide-o a avaliar a si mesmo e estimule-o a refletir sobre maneiras de agir diferente no futuro.


A recíproca é necessária em qualquer debate, então, se mantenha receptivo para ouvir o que ele tem a dizer e como busca melhorar.


3 exemplos práticos de como dar feedbacks construtivos

Selecionamos três exemplos práticos para transformar seu feedback em ações eficazes. Confira abaixo:


1 - Funcionária apresentando trabalho de má qualidade

Apesar de Fernanda cumprir todos os prazos, é perceptível que seu trabalho tem apresentado má qualidade.


Exemplo de feedback construtivo:

“Fernanda, seu compromisso em cumprir com os prazos propostos é surpreendente. Você tem cumprido suas tarefas mais rápido do que boa parte da equipe. No entanto, observei alguns erros e lacunas no conteúdo do seu trabalho. Peço, por favor, que sempre revise suas tarefas antes de encaminhá-las.”

2 - Colaboradora com queda no desempenho

Laura sempre foi uma boa funcionária, porém, nos últimos dias tem chegado atrasada e demonstrado distração.


Exemplo de feedback construtivo:

“Laura, sempre admirei sua eficiência e confiabilidade, entretanto, tenho percebido uma mudança em seu comportamento. Seus atrasos e distração no trabalho não condizem com sua postura habitual. Gostaria de conversar para compreender se está enfrentando algum desafio, e como posso auxiliá-la para superá-lo.”

3 - Funcionário demonstra mau comportamento

Rogério tem se mostrado descontente no ambiente de trabalho e ocasionalmente adota atitudes desrespeitosas em relação aos colegas e líderes.


Exemplo de feedback construtivo:

“Rogério, gostaria que conversássemos sobre algumas das suas atitudes que tenho observado com certa frequência. Analisando suas ações conosco, parece que você não está muito satisfeito com o ambiente de trabalho. Posso ajudá-lo de alguma forma? Daqui para frente, prefiro que você me informe diretamente caso esteja com algum problema. Caso contrário, perco o contexto da situação e não consigo oferecer uma assistência adequada.”

Como visto, dar feedbacks construtivos é necessário para o crescimento profissional e o fortalecimento das relações interpessoais no ambiente de trabalho.


Pode não ser tão fácil, mas com as técnicas certas, você se destacará como um líder inspirador e respeitado. Desenvolva suas técnicas de feedback construtivo com o Curso Management da Karita Consultoria!


3 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page